Coberturas verdes

Uma cobertura ajardinada, ou cobertura verde, é uma solução construtiva ecológica que melhora o isolamento térmico do edifício, melhora o microclima urbano, retém partículas de poeira tóxicas do ar e criar um novo habitat natural para fauna e flora. É composta por um sistema de impermeabilização sobre a laje e camada de forma, isolamento térmico, uma camada drenante/ filtrante, terra vegetal e plantas.

 

As plantas deverão ser escolhidas em função da exposição solar, tipo de manutenção pretendida, clima local e índices pluviométricos. Para simplificar a manutenção deve-se preferir plantas resistentes a altas temperatura e baixa humidade.

As coberturas ajardinadas podem ser consideradas um isolamento térmico adicional ao edifício, ajudando a reduzir o consumo energético anual em mais de 15%, bem como um isolamento acústico, ao reduzir a reflexão do som até 3dB e aumentam o isolamento sonoro até 8dB.

Outro benefício é a redução do desperdício de águas pluviais em mais de 50%, visto que que parte das águas é retida pela camada vegetal, diminuindo a necessidade de capacidade dos tubos de queda e esgotos.

As vantagens ambientais para o ambiente circundante são também grandes visto que arrefecem e aumentam os índices de humidade do ar circundante, retém partículas poluentes e de pó que se encontram na atmosfera e oferecem um habitat natural para plantas, pássaros e insetos.

Em relação aos custos, a instalação inicial de uma cobertura ajardinada pode duplicar em relação à instalação de uma cobertura tradicional. Porém, este custo é compensado a longo prazo através da redução do consumo energético, redução da necessidade de manutenção do sistema de impermeabilização e redução do custo do sistema de drenagem.

outros tópicos:

© 2019 All rights reserved Meta.atelier

  • LinkedIn
  • Instagram
  • Facebook